Other stuff ->

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Hino do Bodes do Asfalto

Os que são irmãos saberão reconhecer a letra

*******************

BODES DO ASFALTO

Letra.:    Gentil Fernandes Nery
Música.: Paulo Sydney Campos Amaro
Getúlio Duarte de Oliveira

Quem vem lá? Quem vem lá?
Fazendo poeira
Te respondo
Ao surgir a clareira

Qual sementes
Levadas pelo vento
Plantando paz
Uma fonte de alimento

Oh ! Quão bom
Viajam os irmãos
Bodes do Asfalto
Numa cadeia de união

Irmãos e cunhadas
Alinhados, no prumo
Pelas estradas
A alegria é o rumo

REFRÃO

Motos no asfalto

Bodes por paixão
O ronco do motor
Acelera o coração

Os bodes são romãs
Que sob céu azul
Unem as colunas do Brasil
De norte a sul

Livres, bons costumes
Rodando em liberdade
Constroem sempre
Templos à fraternidade

Além fronteiras
Léguas de amizade
Partidas e chegadas
Rastros de saudade

Numa prece rogamos
Ao GRANDE lá no alto
Que ilumine os caminhos
Do Bodes do Asfalto

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate