Other stuff ->

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Honda lança a pequena notável MSX 125

Fabricada na Tailândia, o novo lançamento da Honda tem "cara" de moto grande
e um visual bem agressivo, mas seria difícil adivinhar a cilindrada se não
fosse o seu nome. Denominada MSX 125, seu nome é uma combinação entre as
palavras Mini Street Xtreme e a sua cilindrada, o que resultou em uma
motocicleta compacta, radical e moderna.

A pequena tailandesa trás motor monocilindro de 124,9 cc, quatro marchas,
duas válvulas, com injeção eletrônica de combustível, capaz de desenvolver
aproximadamente 10 cavalos de potência máxima a 7.000 rpm com um torque de
1,11 kgfm a 5.500 rpm. Além disso, o modelo ainda traz freios a disco na
dianteira e na traseira e painel de intrumentos em LCD.

Segundo a marca, o modelo relembra o conceito Monkey das motocicletas
compactas de 1963. Visto pelas suas dimensões - 1.760 mm de comprimento, 755
mm de largura e 1.010 mm de altura, rodas (apenas 12 polegadas) e seu peso
extremamente baixo (somente 101,7 kg), podemos notar que realmente trata-se
de uma moto compacta.

Com suspensão dianteira invertida, a Honda MSX 125 também serve como uma
motocicleta prática e durável para os mercados onde as vias são esburacadas.
Devido ao seu baixo tamanho, a moto com certeza também vai agradar ao
público feminino, que não terá dificuldades em pilotar essa pequena notável.

Com objetivo de alcançar o público jovem, a MSX 125 será comercializada nas
cores amarela, preta, vermelha e branca. Ainda sem preço definido, o modelo
estará disponível para o mercado europeu no primeiro semestre de 2013 e, até
o momento, não há indícios da possibilidade do modelo chegar em terras
brasileiras.

Fonte: moto.com.br

DPVAT para motocicletas sobe em 2013

Em 2012, o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos
Automotores de Via Terrestre, mais conhecido como DPVAT, já não era dos mais
baratos para as motocicletas, motonetas, ciclomotores e similares. Mas, para
este ano será ainda mais alto.

O Valor que era de R$ 279,27 em 2012, sofreu um reajuste de aproximadamente
5% e, agora em 2013, vai custar R$ 292,01. Com este valor, o imposto para a
categoria será o segundo maior entre carros, ônibus, micro-ônibus e
caminhões.

A taxa do DPVAT, que é recolhida na guia do Imposto sobre Propriedade de
Veículos Automotores (IPVA) é utilizada como um fundo para o pagamento de
indenização a vítimas de acidentes de trânsito, ou seja, quem deixa de pagar
o seguro obrigatório não pode licenciar o veículo e sem o licenciamento, o
veículo pode ser apreendido.

Fonte: moto.com.br

Translate