Other stuff ->

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Clones Humanos

Achei esse texto muito pertinente e interessante. O autor conseguiu, sutilmente captar um dos mais preocupantes instrumentos catequizadores da atualidade. Realmente é preocupante como as matrizes midiáticas manipulam ao bel prazer o que as massas devem considerar como sendo bom ou mau. 
Pessoalmente não acho que houve golpe, mas acho que as massas fazem o que a mídia quer.
Resolvi deixa o texto sem mutilá-lo, apesar de não concordar com algumas passagens. O que mais interessa é o "cordeirismo" das massas - isso é que é perigoso.
Vide o livro "A JANELA DE OVERTON" que mostra muito dessa manipulação. Vivemos uma grande mentira. Resta saber se tomamos a pílula azul, ou a vermelha.

O texto a seguir é nota dez!

_____________________________________________________

A Sociedade dos Clones Humanos
Luiz Sergio da Mota Machado

Clonagem é definida como a produção de indivíduos iguais geneticamente. Ocorre através de um processo de reprodução assexuada que gera indivíduos com a mesma identidade genética. Cópias genética de seres vivos.

Não há notícia da existência de produção artificial de algum indivíduo humano com a mesma identidade genética de outro indivíduo humano. Ou seja, não há noticia de cópias genéticas de indivíduos humanos.Isso, no entanto, não descarta, absolutamente, a existência de clones humanos, sabe-se agora.

o observador ou a observadora do social não encontrará dificuldade em constatar empiricamente, portanto cientificamente, a imensa quantidade de clones humanos em suas proximidades, seja em seu ambiente doméstico, seja na sua vizinhança de moradia, seja em seu local de trabalho, seja no bar que frequenta, seja nos espaços em que circula ou nas mídias que atraem a sua atenção.

Por mais incrível que possa parecer clones humanos estão em todos os lugares e interagem no dia a dia com humanos não clonados e entre si. Entretanto não são idênticos em aparência, e isso dificulta um pouco ao observador ou a observadora não experientes. A coisa não se dá como nos clones genéticos, os quais são fisicamente idênticos.

Trata-se aqui de uma clonagem muito mais perigosa, não divulgada em publicações científicas. Supõe-se que só é conhecida nos altos escalões da CIA. É a clonagem psicológica de humanos. Clones humanos são produzidos e reproduzidos por uma matriz midiática comercial oligopólica configurada em rede e atuando em rede.

Todas as noites, principalmente, a matriz midiática atrai as sua vítimas para o assento da passividade imagética da tela de clonagem onde lhes extrai substancia crítica do cérebro, ao mesmo tempo que lhe introduz diretamente um algoritmo de programação com as instruções que regulará o que deverá repetir e como agir em suas interações com outros seres humanos clonados ou não.

Os clones humanos no Brasil bateram panelas, vestiram camisa amarela da CBF, se cobriram com a bandeira do Brasil, destilaram ódio (e ainda destilam), e apoiaram veementemente o golpe de Estado. Embora, alguns, quem sabe dado ao efeito econômico e político desfavorável a eles no pós golpe, estejam misteriosamente se desclonando aos poucos e naturalmente.

A neurociência, certamente com o auxilio dos estudos das redes neurais precisará se aprofundar nesse fenômeno de desclonagem psicológica

Independentemente disso, porém, a mobilização organizada permanente dos que não se deixaram clonar poderá destruir o efeito do processo psicológico de clonagem exercido pela matriz midiática global.Sobretudo na luta contra as reformas da previdência e trabalhista, as quais têm a classe trabalhadora como alvo da retirada de direitos, principal objetivo do golpe.

Mas não se pode parar aí. Trata-se de uma luta contínua até a vitória sobre a matriz dos humanos clonados e dos três poderes políticos que com ela constituem a totalidade do sistema socioeconômico opressor capitalista a ser derrotado.

Uma luta prolongada, mas necessária de ser feita, para a construção de uma sociedade politicamente justa e juridicamente perfeita.


Fontes: Cartas Maçônicas e Facebook de Luiz Sérgio da Mota Machado

---------------------------------------------------------------


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Translate